Um olhar para a terceira idade


Projeto Tapa da medicina desenvolve atividade com idosos

Publicado em 25/11/2019

Por Matheus Freitas

Na última segunda-feira, 18, o Centro Histórico Cultural Dauro Peixoto Aragão, recebeu 80 idosos do grupo Alvorecer da Igreja Metodista Central para participarem de palestras sobre temas relacionados à saúde.

As atividades foram elaboradas pelos alunos de Medicina do projeto Tapa (Trabalho de Acadêmico para Acadêmico), que desenvolveram uma palestra sobre hipertensão e ofereceram serviço de aferição de pressão para o grupo. Além disso, nesta edição, o projeto contou também com a participação do curso de Educação Física que proporcionou aos idosos um momento lúdico.

A aluna do quarto modulo de Medicina, Simone Queiroz, explicou que o projeto Tapa estimula aa vivencia e a prática clínica com aproximação cada vez maior com a comunidade.

Os idosos beneficiados nessa edição do evento aprovaram a ação. “Por meio do professor do UniFOA, José Roberto Barroso, tivemos o contato com o projeto Tapa. Estamos muitos contentes com o trabalho desenvolvido pelos alunos dos cursos”, relatou a responsável pelo grupo Alvorecer, Nelcy Barroso Arantes.

O aluno do quarto ano de Educação Física bacharelado, Igor de Souza, levou para o grupo uma proposta de atividade rítmica expressiva voltada para a dança de salão, priorizando “Soltinho” (ritmo brasileiro). “Foi uma oportunidade ímpar participar do projeto. Por meio desta ação pudemos contribuir com a saúde de tantos idosos”, pontuou Igor.


Veja Também: