Movimento Negro em pauta


Segundo encontro do Fórum de Supervisão de Estágio

Publicado em 6/6/2018

Na última terça, dia 5 de junho, aconteceu a segunda edição do Fórum de Supervisão de Estágio em Serviço Social e o assunto dessa vez foi “A Resistência e Luta do Movimento Negro”, abordado pela egressa do curso e militante do grupo, Eliana Carmem.

O debate levantou questões muito presentes no cotidiano dos negros, como a abordagem do negro em seu local de moradia; os preconceitos raciais e religiosos enraizados na cultura brasileira; a visibilidade da militância nos dias atuais; e a lei 10.639/03, que fala sobre o ensino da história e cultura afro-brasileira e africana e ressalta a importância da cultura negra na formação da sociedade.

A militante, durante a roda de conversa, relatou que a abordagem sobre as questões raciais era pouco debatida dentro da academia e analisa como positivo o interesse dos acadêmicos pelo movimento.

“Antigamente não era comum ver os cursos debaterem sobre estes assuntos, penso que tivemos um grande avanço com a abordagem desse conteúdo, porque é algo que está ligado ao cotidiano, vejo que momentos como esse são grandes conquistas do movimento negro”, afirma a militante.

A professora Karin Alves, responsável pela atividade, afirma que é uma preocupação do curso de Serviço Social trazer temas que possam somar à formação dos estudantes. “São assuntos que estão em nossos debates atuais e por ser uma atividade de extensão e de estágio que envolve alunos e supervisores da área, o resultado são experiências enriquecedoras”, concluiu Karin.  


Veja Também: